• EQUIPES
  • SEDES
  • CAMPEÕES
  • JOGOS
  • ELIMINATÓRIAS
  • FOTOS
  • BLOG

Futebol/Mundial de Clubes - ( )

Herói do Timão ainda põe defesa de Diego Souza à frente das demais

Yokohama (Japão)

Cássio não teria feito os milagres que fez no último domingo não fosse um anterior. Ele não tira da memória a decisiva defesa praticada nas quartas de final da Copa Libertadores em um chute do vascaíno Diego Souza.

“Acho que fico com a do Diego Souza. Aqui foi difícil também, mas vou continuar com ela”, disse o goleiro, questionado sobre sua intervenção favorita no caminho para o título mundial.

Na decisão contra o Chelsea, Cássio fez ao menos cinco defesas importantíssimas. Na mais difícil dela, espalmou de mão trocada um preciso chute colocado de Moses. Cahill, Hazard e Fernando Torres, duas vezes, também pararam no gigante alvinegro.

Emocionado com o desempenho de seu pupilo, o preparador de goleiros do Timão, Mauri Costa Lima, preferiu não escolher um lance de sua preferência. “Vou selecionar todos. Em todos os momentos, ele foi um goleiro perfeito”, orgulhou-se.

Sergio Barzaghi/Gazeta Press
Cássio comemora com os companheiros uma conquista que não passava pela sua cabeça há um ano

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade