• EQUIPES
  • SEDES
  • CAMPEÕES
  • JOGOS
  • ELIMINATÓRIAS
  • FOTOS
  • BLOG

Futebol/Mundial de Clubes - ( - Atualizado )

Monterrey vence Al Ahly, repete Necaxa e fica em 3º lugar no Mundial

Yokohama (Japão)

O terceiro lugar do Mundial de Clubes ficou com o Monterrey. Com um gol instantâneo, logo aos três minutos, e outro na segunda etapa, a equipe mexicana derrotou o Al Ahly por 2 a 0, em Yokohama, antes da decisão do título entre Corinthians e Chelsea, também neste domingo.

A colocação supera desempenho de 2011, quando o time ficou apenas em quinto lugar no torneio. Nesta edição, ainda comandado pelo técnico Víctor Manuel Vucetich, o Monterrey fecha sua participação com uma derrota em três partidas – caiu na semifinal para o Chelsea.

Tal feito iguala campanha do Necaxa, que em 2000, na primeira vez em que a competição foi organizada pela Fifa, também erminou em terceiro, até hoje melhor colocação mexicana.

O primeiro gol saiu logo aos três minutos. Guillermo Madrigal fez boa tabela no meio-campo e lançou Jesús Corona em profundidade. O meia mexicano adiantou demais, mas contou com trapalhada entre Sayed Moawad e goleiro Mahmoud Abou Elseoud, ficou com a sobra, de frente para a meta vazia, e só empurrou para a rede.

A equipe norte-americana ampliou a vantagem aos 20 minutos da segunda etapa. Após rápido contragolpe, o atacante argentino César Delgado recebeu passe na entrada da área e, de primeira, com um toque sutil na bola, encobriu o arqueiro, que havia deixado a meta e já estava na altura da marca penal.

Curiosamente, o Al Ahly, campeão da Liga dos Campeões da África, que já havia tido mais posse de bola no segundo tempo da semifinal contra o Corinthians, também teve maior controle de jogo nesta noite. O time egípicio até assustou a meta do goleiro Orozco em algumas oportunidades, porém não converteu as chances criadas e se despede com apenas dois gols, marcados nas quartas de final, diante do Sanfrecce Hiroshima, campeão japonês.

Ainda neste domingo, Corinthians e Chelsea decidem o título. Campeã em 2000, a equipe brasileira tenta o bi, enquanto os ingleses disputam o torneio pela primeira vez na história.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade