• EQUIPES
  • SEDES
  • CAMPEÕES
  • JOGOS
  • ELIMINATÓRIAS
  • FOTOS
  • BLOG

Futebol/Mundial de Clubes - ( - Atualizado )

Tite puxa o coro para o bando e encontra a consagração em São Paulo

Helder Júnior São Paulo (SP)

O técnico Tite não se continha do alto do trio elétrico de onde os jogadores do Corinthians comemoraram o título do Mundial de Clubes do Japão, nesta terça-feira, logo após desembarcarem no Brasil. Como um verdadeiro torcedor, ele chegou até a puxar o coro do público que o idolatrava nas ruas de São Paulo.

“Aqui tem um bando de loucos!”, bradou Tite, quando falou ao microfone. Eufóricos, os torcedores completaram com o seu maestro o já famoso incentivo. O treinador ainda beijou e chacoalhou a taça de campeão mundial.

Tite só foi um pouco mais contido do que seus jogadores. Enquanto a maioria bebia cerveja e extravasava a alegria até com provocações aos rivais do Corinthians, o treinador preferia bater no peito e acenar para a torcida.

Djalma Vassão/Gazeta Press
Orgulhoso, Tite exibiu o troféu de campeão mundial para a torcida que o idolatrava sob o trio elétrico
Os corintianos corresponderam. O nome de Tite foi gritado pelo público muitas vezes durante a festa, inclusive pelos atletas. Mais de um ano após ser duramente hostilizado após derrota para o colombiano Tolima, na pré-Libertadores, ele encontrava a sua consagração em São Paulo.

“Quero deixar o cansaço de lado e me dar o direito de curtir o momento como um torcedor”, disse Tite, entusiasmado com o carinho. “A torcida do Corinthians sempre nos surpreende. Quando chegamos ao Japão e vimos tantas pessoas, ficamos com um sentimento muito forte de querer retribuir. O troféu está aqui”, sorriu.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade