Futebol/Mundial de Clubes - ( - Atualizado )

Tite espera mostrar a cara do Corinthians após derrota “inevitável”

Nagoya (Japão)

Perder um jogo na preparação para o Mundial, julga Tite, foi importante. Ele preferia que a derrota não tivesse vindo no confronto com o São Paulo, mas espera que o resultado ajude o Corinthians a atingir o seu potencial na competição no Japão.

“A minha grande ambição é mostrar a cara da equipe do Corinthians. É aquela mesma cara que nos trouxe até aqui. Isso é o mais importante. Vencer ou não será uma consequência do jogo”, disse o comandante alvinegro, após o primeiro treino em Nagoya.

“Imaginávamos que fôssemos perder um jogo na reta final do Brasileiro. Eu não queria que fosse em um clássico, mas tínhamos que enfrentar grandes adversários, como Vasco, Santos, Internacional... Seria inevitável perder. E foi importante justamente para não haver excesso de euforia. Assim, a gente desce um pouquinho neste aspecto”, acrescentou.

AFP
O técnico Tite espera ver um Timão sem euforia, na próxima quarta-feira, contra Hiroshima ou Al Ahly
O que Tite quer na próxima quarta-feira, contra Sanfrecce Hiroshima ou Al Ahly, é uma equipe tranquila em campo. Com calma, o Timão terá condições de superar o adversário japonês ou egípcio e avançar à decisão, marcada para o dia 16, em Yokohama.

“Queremos apresentar a cara do Corinthians sem euforia, sabendo que perder te humaniza, como disse o Tostão. Temos uma grande equipe, forte, postulante ao título, mas que precisa estar em seu melhor nível. Contamos também com o carinho do torcedor”, concluiu o treinador.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade