Futebol/Mercado - ( - Atualizado )

Cruzeiro explica a situação do atacante Farías, que não deve voltar

Do correspondente Wanderson Lima Belo Horizonte (MG)

Com os boatos da possível volta do atacante argentino Farías, a diretoria do Cruzeiro se apressou para esclarecer a situação do atleta e dizer que ele deve continuar no futebol da Argentina. Farías tem contrato com a Raposa até 2014 e está emprestado ao Independiente até janeiro do ano que vem.

Como o empréstimo termina, chegou a ser especulado que Farías, que possui alto salário e não agradou a torcida celeste, retornaria ao clube, porém, o contrato com o clube argentino prevê uma prorrogação por mais seis meses. A tendência é a de que o Independiente exerça este direito, mas, se mudar de ideia, o prazo para comunicar o Cruzeiro sobre a devolução é até 19 de dezembro.

Divulgação/Vipcomm
Emprestado ao Independiente, o atacante Farías poderia voltar ao Cruzeiro, mas diretoria se esquiva
Se Farías retornasse ao Cruzeiro, o técnico Marcelo Oliveira teria um problema para resolver, já que o plantel já conta com quatro jogadores estrangeiros: os argentinos Martinuccio e Montillo, o colombiano Diego Arias e o uruguaio Victorino. Com a volta de Farías, pelo menos dois destes jogadores ficariam fora, inclusive, do banco de reservas.

De acordo com o regulamento da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), no máximo três estrangeiros podem entrar em campo. Como Martinuccio e Montillo são titulares absolutos, restaria apenas uma vaga para ser disputada por Diego Arias, Victorino e Farías.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade