Futbeol/Campeonato Brasileiro - ( - Atualizado )

Vice-diretor de futebol do Cruzeiro entrega o cargo por divergências

Belo Horizonte (MG)

Neste sábado, um dia antes do clássico que terminou com a vitória do Atlético-MG sobre o Cruzeiro por 3 a 0, o vice-presidente de futebol da Raposa, José Maria Fialho entregou o cargo. Os motivos seriam divergências com o presidente, Gilvan de Pinho Tavares.

 O ponto alto do conflito foi a chegada do meia Diego Souza, contratação sobre a qual Fialho não teria sido sequer consultado.

 Além disso, o ex-vice diretor era a favor da venda de Montillo, outro assunto em que discordava do presidente de futebol.

Gilvan anunciou que dará uma entrevista coletiva nesta segunda-feira, explicando toda a situação. Dentro de campo, o Cruzeiro acabou o Brasileirão na nona posição e o técnico Marcelo Oliveira deve assumir o time na preparação para a próxima temporada.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade