Fórmula 1/Bastidores - ( - Atualizado )

Após 22 anos, Mercedes rescinde o contrato de Norbert Haug

Berlim (Alemanha)

A Mercedes anunciou nesta quinta a saída do diretor de competições Norbert Haug, no cargo desde 1990. Por meio de comunicado, a escuderia se limitou a creditar a saída do dirigente a acordo comum entre ele e seu Conselho Administrativo.

Haug juntou-se à Mercedes no final de 1990. Nos 22 anos em que esteve na equipe, conquistou três títulos, quando a construtora ainda formava parceria com a McLaren – dois para Mika Hakkinen e um para Lewis Hamilton.

“Norbert Haug foi o rosto do programa de competições da Mercedes por mais de 20 anos. Para mim, ele deixou sua marca e, como destaque, foi responsável pelo retorno bem sucedido das Flechas de Prata à F1. Em nome do Conselho e da família Mercedes, gostaria de agradecer a Norbert por sua extraordinária dedicação à estrela de três pontas", afirma Dieter Zetsche, presidente da Mercedes.

Próximo de Schumacher, Haug foi um dos responsáveis pelo retorno do heptacampeão à Fórmula 1. A sua saída coincide com a aposentadoria definitiva do piloto alemão na categoria.

"Gostaria de agradecer à melhor empresa de carros do mundo por esses 22 anos, em que não houve um único momento sem paixão da minha parte. Particularmente, queria também agradecer ao Conselho pela confiança e liberdade que eles sempre me deram em todas as minhas atividades", diz Haug, de 60 anos.

Divulgação
Figura presente nos últimos 22 anos da Mercedes, Norbert Haug deixou a empresa nesta quinta

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade