Futebol/Mercado - ( )

Alvo do Grêmio, Eduardo Vargas fala em “tomar uma decisão” nesta 4ª

Santiago (Chile)

O atacante chileno Eduardo Vargas desembarcou em Santiago no início da tarde de terça-feira para passar as festas de fim de ano em casa. Nesta quarta, o jogador do Napoli pretende “tomar uma decisão” ao lado dos familiares e isso envolve, provavelmente, a proposta oficial que a diretoria do Grêmio fez para contratar o destaque da Universidad do Chile na Copa Sul-americana de 2011.

Após a boa campanha do título continental, Vargas foi negociado pela La U com o Napoli por cerca de 15 milhões de euros. Reserva da equipe italiana durante toda a temporada, teve poucas chances sob o comando do técnico Walter Mazzari antes de virar alvo de Grêmio e São Paulo. Até o momento, os italianos receberam apenas uma proposta oficial, justamente do Tricolor Gaúcho, que deseja o empréstimo por um ano.

“Estou na expectativa de ser convocado para a seleção do Chile, porque falta pouco tempo até a Copa do Mundo e o técnico Jorge Sampaoli está iniciando um trabalho. Tenho decisões para tomar e vou fazer isso, porque só quero jogar”, declarou Eduardo Vargas durante seu desembarque, no aeroporto de Padahuel. Sincero, não poupou críticas ao seu aproveitamento no Napoli: “Foi uma péssima temporada, não fiz nada”.

Omar Selaimen, assessor de futebol do Grêmio, confirmou a procura ao Napoli, mas não chegou a revelar os “altos valores” envolvidos na negociação. Segundo o dirigente, o próprio Vargas não foi uma indicação de Vanderlei Luxemburgo, mas já manifestou sua intenção de disputar a Copa Libertadores de 2013 pelo Grêmio e teve o nome aprovado pela comissão técnica. A expectativa do clube gaúcho é que o jogador tome sua decisão até o dia 3 de janeiro.

AFP
O grande objetivo de Vargas, pouco aproveitado no Napoli, é ter sequência na seleção do Chile até a Copa de 2014

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade