Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

Ancelotti chama Lucas de "futuro do PSG" e já o imagina na equipe

Doha (Catar)

O meia-atacante Lucas, que na França será chamado ainda pelo sobrenome Moura, foi assunto principal da entrevista de Carlo Ancelotti em Doha, no Catar. O treinador do Paris Saint-Germain fez muitos elogios ao ex-são-paulino e já tem em mente como utilizá-lo na equipe.

"É um grande jogador, jovem, que vai ser o futuro do clube. Ele tem muitas qualidades e não terá nenhum problema para se entrosar com os outros jogadores, podendo atuar em diferentes posições. Estamos felizes, porque não foi fácil contratar um jogador tão importante", avaliou.

Ao ser informado de que o brasileiro sonha em atuar com Ibrahimovic, Ancelotti demonstrou ter acompanhado a temporada do São Paulo. "Ele jogou de um lado (na ponta direita), às vezes atrás do atacante. Então pode jogar tanto de um lado quanto atrás desse atacante", comentou.

Reprodução
Treinador conversou com jornalistas em Doha
A negociação entre PSG e São Paulo, no valor de 43 milhões de euros, é a maior da história do futebol brasileiro. Segundo Ancelotti, poderá ser também a única da equipe francesa na janela de transferências internacionais.

"É o único a chegar. Temos uma equipe muito boa. O clube tem feito grandes esforços, contratando bons reforços. Com (Lucas) Moura, não há necessidade de contratar mais", iniciou, não sem fechar as portas para eventuais estrelas. "Não iremos recusar, mas não precisamos de outros jogadores".

O PSG faz uma pequena temporada de treinamentos em Doha, à qual Lucas deve se juntar entre domingo e segunda-feira.

"São fantásticos o centro de treinamento, a atmosfera, a hospitalidade", justificou Ancelotti, enaltecendo a estrutura do local de trabalho da equipe, que lidera o Campeonato Francês.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade