Futebol/Mercado - ( - Atualizado )

‘Guerreromania’ faz São Caetano e Goiás buscarem volante peruano

Lima (Peru)

A boa temporada do volante Juan Cominges com a camisa do Cienciano, do Peru, motivou dois clubes brasileiros a buscarem a contratação do jogador de 29 anos, considerado reserva da seleção local, mas com boas atuações e perspectivas de se tornar titular na próxima temporada. A ‘onda peruana’ iniciada pelo sucesso de Paolo Guerrero com a camisa do Corinthians, no Mundial de Clubes, está próxima de ganhar mais um capítulo no futebol brasileiro.

De acordo com Miguel Angel Levya, empresário do jogador apelidado de “Príncipe”, dois clubes brasileiros demonstraram interesse pelo volante: São Caetano e Goiás. Ainda há mais dois clubes buscando Cominges, em fim de contrato com o Cienciano, que ainda mantém o desejo de renovar o contrato, Real Garcilaso e Universidad César Vallejo.

“Estamos analizando com o Juan a melhor alternativa para 2013. Há as propostas do São Caetano e do Goiás, além de outros clubes peruanos que estão interessados, que são o Cienciano, o Garcilaso e o Vallejo. Essas são as propostas formais, mas não podemos descartar o mercado asiático, onde o Cominges já jogou”, disse Levya, empresário do “Príncipe”, à Rádio Ovación.

Aos 29 anos, Cominges é um dos andarilhos do futebol sul-americano, tendo passado por dez clubes antes de chegar ao Cienciano, onde só atuou na última temporada. Revelado pelas categorias de base do Coronel Bolognesi, vestiu as camisas dos tradicionais Universitario e Sporting Cristal, do Peru, além de José Galvez e Cobresol. O volante ainda defendeu Colón e Estudiantes, na Argentina, Caracas e Atlético Huila, na Colômbia, além do Al Qadisiya, da Arábia Saudita.

AFP
Juan 'El Príncipe' Cominges teria recebido propostas de dois clubes brasileiros, além de outros três do Peru

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade