Futebol Internacional/Copa do Mundo 2014 - ( - Atualizado )

Maradona aceita proposta para treinar o Iraque, diz jornal argentino

Buenos Aires (Argentina)

Diego Armando Maradona aceitou a proposta feita pela Federação Iraquiana de Futebol para treinar a seleção local. A informação é do jornal argentino Canchallena. Desempregado desde que deixou o comando do Al Wasl, dos Emirados Árabes Unidos, o ex-camisa 10 substituiria Zico, que pediu rescisão no fim de novembro por falta de pagamento.

“Recebemos a oferta, entramos em contato com Diego e recebemos seu ‘sim’. O Comitê Executivo da Federação Iraquiana se reunirá nesta sexta-feira para ratificar os valores do contrato”, disse ao Canchallena Hernán Tofoni, agente da empresa World Eleven, que está à frente da negociação.

Ainda segundo a publicação, Maradona já teria a data da sua estreia acertada: dia 6 de fevereiro, em amistoso contra a Indonésia, na capital Bagdá.

O Iraque disputa as eliminatórias asiáticas para a Copa do Mundo de 2014. A seleção está em 3º lugar no Grupo B, com cinco pontos, no grupo de Japão, Austrália, Omã e Jordânia. As duas primeiras seleções de cada grupo garantem a classificação para o Mundial.

“El Pibe” treinou a seleção argentina na Copa do Mundo de 2010. Após uma primeira fase com 100% de aproveitamento – vitórias sobre Coreia do Sul, Grécia e Nigéria – e vitória contra o México nas oitavas de final, a Argentina foi goleada pela Alemanha nas quartas, por 4 a 0, o que sacramentou a demissão de Maradona.

AFP
Maradona pode aparecer no Brasil em 2014 no comando da seleção iraquiana

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade