Futebol/Mundial de Clubes - ( - Atualizado )

Sanfrecce Hiroshima e Auckland City decidem quem pode encarar Timão

Gazeta Press Yokohama (Japão)

Sanfrecce Hiroshima, do Japão, e Auckland City, da Nova Zelândia, fazem nesta quinta-feira, às 8h45(de Brasília), em Yokohama, o jogo de abertura do Mundial de Clubes da Fifa. O confronto chama a atenção do Corinthians, pois o vitorioso vai enfrentar na etapa seguinte o Al Ahly, do Egito. Deste encontro sairá o rival do Timão na semifinal.

A partida desta quinta-feira vai colocar frente a frente um azarão que conquistou o Campeonato Japonês pela primeira vez e o direito de representar o país anfitrião, o Sanfrecce Hiroshima, e um veterano na história do torneio, o Auckland City, atual campeão da Liga dos Campeões da Oceania e que participou de três edições do Mundial: em 2006, 2009 e 2011.

Em relação ao duelo desta quinta-feira, o Auckland adota o discurso de colocar o favoritismo todo nas costas do adversário. “O Sanfrecce Hiroshima vai jogar em casa, conta com jogadores de grande habilidade e está mais cotado para ganhar. Mas sabemos que podemos fazer de um jogo de futebol algo imprevisível”, disse o técnico espanhol Ramón Tribulietx.

AFP
Campeão japonês pela primeira vez em sua história neste ano, Sanfrecce Hiroshima faz sua estreia em Mundiais
Já Hajime Moriyasu, treinador do Sanfrecce, prevê um duelo equilibrado. “Meu time é mais leve e habilidoso, mas o Auckland conta com atletas fortes fisicamente e se fecha bem na defesa, além de ser forte nas jogadas aéreas”, falou Moriyasu, que procurou orientar muito o posicionamento defensivo de seus comandados nos últimos treinos.

Os destaques do Sanfrecce são os irmãos gêmeros Koji Morisaki e Kazuyuki Morisaki, ambos meio-campistas, e o atacante Hisato Sato, artilheiro no Campeonato Japonês, com 22 gols.

Pelo lado do Auckland, a base que disputou a edição passada do Mundial – quando o time caiu logo no primeiro jogo – foi mantida por Ramón Tribulietx, que aposta na segurança do zagueiro e capitão Ivan Vicelich, na habilidade do meia Albert Riera e no oportunismo do atacante Manel Exposito.

Caso a partida desta quinta-feira termine empatada, acontecerá uma prorrogação de 30 minutos. Persistindo a igualdade, o classificado sairá nas cobranças de pênaltis.

FICHA TÉCNICA
S
ANFRECCE HIROSHIMA X AUCKLAND CITY

Local: Estádio Internacional de Yokohama, em Yokohama (Japão)
Data: 6 de dezembro de 2012, quinta-feira
Horário: 8h45 (de Brasília)
Árbitro: Djamel Haimoudi (Argélia)

SANFRECCE HIROSHIMA: Nishikawa; Moriwaki, Shiotani e Mizumoto; Ishikawa, Aoyama, Kazuyuki Morisaki, Shimizu, Koji Morisaki e Takahagi; Sato
Técnico: Hajime Moriyasu

AUCKLAND CITY: Spoonley; Berlanga, Vicelich, Pritchett e Milne; Tade, Feneridis, Corrales e Riera; Dickinson e Exposito
Técnico: Ramón Tribulietx

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade