Futebol/Mundial de Clubes - ( - Atualizado )

Técnico do Monterrey lamenta: “Vamos dançar com a mais feia”

Toyota (Japão)

O técnico do Monterrey, Víctor Manuel Vucetich, não teve muito tempo para comemorar a classificação para a semifinal do Mundial de Clubes. Depois da vitória sobre o Ulsan Hyundai, neste domingo, o treinador lamentou a necessidade de enfrentar o Chelsea na quinta-feira.

“Nós ficamos felizes com a vitória que conseguimos, porque um dos objetivos era passar de fase, já que não conseguimos isso em 2011. Mas, agora, como dizemos em nosso País, vamos ter de dançar com a mais feia, que é o Chelsea. Mesmo assim temos a esperança de fazer uma grande partida”, afirmou o comandante, na entrevista coletiva depois da partida.

A comparação de Vucetich se refere ao fato de o Monterrey ter um confronto muito difícil na semifinal. No entanto, o poderio do Chelsea não impede o treinador do time mexicano de sonhar com a final.

“Você sempre trabalha para ganhar. Sabemos que o Chelsea tem um grande plantel, mas devemos repetir o que fizemos hoje (domingo), porque temos confiança em nós mesmos. Vamos lutar para conseguir o resultado que pretendemos, sempre fazendo um trabalho em equipe”, concluiu.

A outra semifinal do Mundial de Clubes será disputada entre Corinthians e Al Ahly, que derrotou o Sanfrecce Hiroshima neste domingo.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade