Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

Chateado por promessa não cumprida, Zé Carlos ameaça deixar Criciúma

Maceió (AL)

Artilheiro do Campeonato Brasileiro da Série B e candidato a ídolo por conta do acesso conquistado para a elite do futebol nacional após oito temporadas, Zé Carlos pode não voltar ao Criciúma em 2013. Mesmo com contrato até dezembro do próximo ano, o atacante está triste por conta de uma promessa não cumprida pelo presidente Antenor Angeloni e ameaça nem se reapresentar com o restante dos companheiros.

A comissão técnica do Tigre catarinense definiu o próximo dia 3 como a data do retorno às atividades para o Estadual, mas Zé Carlos garante que não trabalha com datas para voltar a Criciúma no momento. De férias em Maceió-AL, o jogador quer primeiro conversar com o presidente do clube para ter garantias de aumento salarial a partir de 2013.

“Eu tinha um trato direto com o presidente que quando o Criciúma subisse ele iria me chamar para conversar, juntamente com meu empresário, e até agora nada disso aconteceu. Não tenho data para voltar não. Tenho contrato, mas não tenho nada certo, então vou seguir aqui até resolver minha situação. Estou em casa com a minha família descansando”, garantiu Zé Carlos, à Rádio Eldorado.

Segundo o discurso de Zé Carlos, apenas um contato por telefone da diretoria do Criciúma pode fazer com que ele abandone as férias e retorne a Santa Catarina na data estabelecida pelo técnico Paulo Comelli. Após o “melhor ano” de sua carreira, o atacante pode estar seduzido por ofertas do Sul e do Sudeste, mas seus empresários ainda não se manifestam oficialmente quanto a qualquer sondagem.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade