Futebol/Mundial de Clubes - ( - Atualizado )

Corintianos se dividem entre jogo do Al Ahly e cochilo no hotel

Toyota (Japão)

Parte do elenco do Corinthians compareceu ao estádio de Toyota, neste domingo, para acompanhar a vitória do Al Ahly por 2 a 1 sobre o Sanfrecce Hiroshima, pelo Mundial de Clubes. O resultado definiu o time egípcio como o adversário do Timão na estreia do torneio no Japão, mas nem todos acompanharam a partida.

“Tentei até ver, mas o sono não deixou e dormi no segundo tempo. Não vi o final, acabei cochilando. Mas o que vier está de bom tamanho”, afirmou o atacante Jorge Henrique, em entrevista à TV Globo. O jogador foi um dos que preferiram ficar no hotel.

Enquanto isso, o técnico Tite e o gerente de futebol Edu Gaspar foram acompanhados ao estádio por jogadores como Alessandro, Willian Arão, Danilo, Júlio César, Danilo Fernandes, Fábio Santos, Chicão, Ralf, Edenílson e Anderson Polga, que sofreram com o intenso frio, inclusive com neve.

Divulgação
Jogadores do Corinthians sofreram com o frio enquanto assistiam à vitória do Al Ahly (Crédito: Rafael Antoniutti/TXT Assessoria)
No local do jogo, os corintianos viram o Al Ahly levar sustos, mas vencer com gols de Hamdi e Aboutrika. Para o goleiro Cássio, que permaneceu no hotel, o resultado não muda a preparação do Alvinegro para a partida de quarta-feira.

“Eu estava tranquilo, porque há pouca diferença de um time para outro. O Hiroshima é mais rápido, como é normal no futebol japonês, enquanto o Al Ahly é um time mais experiente”, avaliou, também em entrevista à emissora.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade