Futebol/Campeonato Catarinense - ( - Atualizado )

Fora do Avaí, Rafael põe Joinville e Criciúma “um passo à frente”

Joinville (SC)

Dispensado pelo então técnico Argel Fucks após o encerramento do Campeonato Brasileiro da Série B, o zagueiro Rafael garante que o Avaí, seu ex-clube, está pelo menos um passo atrás do Criciúma e também do Joinville, pelo qual foi contratado, para o início do Campeonato Catarinense de 2013. Tricampeão estadual pelo time da capital, o zagueiro de 26 anos ainda não pensa em virar capitão na nova equipe.

“Pela personalidade e pela liderança que tenho, se o Artur Neto precisar de mim como capitão, vou estar à disposição. Mas isso é algo que vem naturalmente. Quero ser útil ao grupo independentemente de ser capitão ou não”, disse Rafael, ao Diário Catarinense, garantindo que o Avaí não o mobiliza mais: “É uma página virada. Estou muito motivado para jogar na Arena Joinville e posso dizer que a entrega será total”.

Após cinco temporadas no Avaí – o jogador passou apenas alguns meses emprestado ao Lugano, da Suíça -, Rafael sonha em repetir os títulos catarinenses com a camisa do Joinville, que anunciou sua contratação no mesmo ‘pacote’ que contava com o goleiro João Paulo, o zagueiro Sandro, o volante Augusto Recife e o atacante Bruno Veiga. Além deles, o JEC já acertou com Marcelo Costa, ex-São Caetano, para a próxima temporada.

O nível dos reforços anunciados pelo presidente Nereu Martinelli empolga Rafael, que vê o Criciúma, único time do Estado na Série A do Campeonato Brasileiro, como possível concorrente em 2013: “O campeonato é marcado pelo equilíbrio, mas Joinville e Criciúma estão um passo à frente dos demais. Pelas contratações que fizeram, acredito que são os favoritos. O Joinville vai entrar forte no Estadual”.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade