Futebol/Copa Sul-americana - ( - Atualizado )

Ney mantém tática e exclui Ganso da briga por vaga de Luis Fabiano

São Paulo (SP)

O meia Paulo Henrique Ganso chegou a ser apontado como uma das opções para a vaga de Luis Fabiano, o que obrigaria o técnico Ney Franco a alterar o esquema tático do São Paulo. Porém, o treinador revelou seu interesse em manter a estrutura atual do Tricolor e, desta forma, excluiu o meio-campista da briga pelo posto na decisão da Copa Sul-americana, na noite de quarta-feira, no Morumbi.

“Vou utilizar força máxima neste jogo, exceção apenas do Luis. Com certeza, irei escalar um atacante de referência e temos três jogadores que podem exercer essa função: Ademilson, Willian e Cícero. Na segunda-feira, temos um trabalho tático e vamos definir isso”, afirmou.

Com isso, Jadson será mantido como único armador da equipe, enquanto Lucas e Osvaldo são responsáveis pela velocidade e pelas jogadas individuais. Ney Franco ainda precisa escolher um novo titular porque Luis Fabiano foi expulso no primeiro jogo da final contra o Tigre, em Buenos Aires.

Das três opções, o único que não é centroavante de ofício é o meio-campista Cícero, que pode ser improvisado na função. Já Willian José não atuará pelo clube na próxima temporada, mas é o artilheiro do Tricolor no torneio, com três gols. Com menos chances, Ademilson deixou sua marca uma vez nesta Sul-americana, contra o Bahia.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade