Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

Perto de novo contrato, Wellington quer "fazer história" no Tricolor

São Paulo (SP)

O volante Wellington foi um dos pivôs da arrancada do São Paulo até o título da Copa Sul-americana, no segundo semestre, e será recompensado por isso. A diretoria prepara um novo contrato para o jogador de 21 anos, revelado nas divisões de base do clube.

"Tenho contrato até (19 de outubro de) 2015, estou perto de renovar para ficar mais dois anos. Espero renovar, é meu time de coração. Espero ficar mais alguns anos no São Paulo", disse, em entrevista à Rádio Globo.

A partir da próxima temporada, ele não terá mais a companhia de Lucas, que se tornou seu amigo nas equipes inferiores do clube e foi negociado com o Paris Saint-Germain por 43 milhões de euros.

"Não sei se vou seguir os passos do Lucas, ele foi por muito dinheiro. Mas vou fazer meu trabalho, quero fazer minha história e ganhar mais títulos", acrescentou Wellington.

Sua ausência – por conta de grave lesão no joelho esquerdo – durante seis meses era apontada como um dos motivos pela fragilidade defensiva do time. Ao retornar, deu consistência ao meio-campo, ao lado de Denilson, e foi elogiado até mesmo pelo presidente Juvenal Juvêncio.

Campeão pela primeira vez no "time de coração", Wellington fará parte da equipe que volta a disputar a Libertadores depois de dois anos. A estreia na fase preliminar, diante do Bolívar, será em 23 de janeiro, com mando de campo tricolor. Por conta de grave lesão no joelho

"Não vai ser fácil. Nada é fácil para a gente, mas tenho certeza que poderemos brigar em igualdade com os times no Brasil e fora. O grupo é bom, e estamos nos reforçando, os jogadores que chegarem vão somar", concluiu.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade