Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

Réver destaca importância do vice e revela que quase deixou o Galo

Do correspondente Wanderson Lima Belo Horizonte (MG)

Depois de um excelente primeiro turno no Brasileiro, o objetivo do Atlético-MG passou a ser o título da competição nacional, mas a equipe perdeu força no returno e acabou ultrapassado pelo Fluminense, que foi campeão com três rodadas de antecedência. Sem o título, o foco dos alvinegros passou a ser o vice-campeonato, conquistado no último domingo, e muito comemorado pelo zagueiro Réver.

“Tinha muito tempo que o Atlético-MG não ficava na parte de cima de um campeonato tão difícil como o Brasileiro. Por isso o torcedor tem mais que comemorar sim. Alguns torcedores das equipes rivais vão dizer que estamos nos contentando com pouco, mas, pelo contrário, nós temos que valorizar o que fizemos em 2012. Infelizmente não conquistamos o título que era tão sonhado, mas espero que em 2013 tenhamos essa mesma determinação que mostramos e conquistemos o objetivo”, disse Réver.

Contestado no final de 2011, Réver deu a volta por cima e voltou à Seleção Brasileira, mas o jogador revela que chegou a pensar em deixar o Galo. “Fui contestado, outros jogadores também, e fica muito difícil dar a volta por cima. Tem que ter estrutura da família, estar bem psicologicamente e graças a Deus tive capacidade para superar isso. Algumas coisas que acabaram falando. Até pensei em deixar o Atlético-MG, mas esses desafios na vida da gente são sempre bons porque crescemos e fui feliz em ter ficado”, afirmou.

Em 2013, Réver vai disputar a Libertadores pelo Atlético-MG, e espera fazer bonito. “É uma competição muito gostosa de se disputar, já tem três anos que não participo e espero que a do ano que vem possa ser ainda melhor do que a dos outros anos que já disputei. Vamos dar nosso melhor para ir longe na competição”, declarou.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade