Judô/Grand Prix de Tóquio - ( - Atualizado )

Rafael Silva conquista prata e Maria Suelen é bronze no Japão

Tóquio (Japão)

O Brasil conquistou mais duas medalhas no último dia de competições pelo Grand Prix de Tóquio, no Japão, e encerrou o torneio com cinco pódios. O melhor resultado da Seleção Brasileira foi a prata de Rafael Silva, na categoria superior a 100kg, disputada na manhã deste domingo. Maria Suelen Altheman também subiu ao pódio com o bronze.

Segundo colocado no ranking mundial, Rafael Silva fez a final da categoria mais pesada do judô contra o sul-coreano Sung-Min Kim, quinto colocado na lista da Federação Internacional de Judô, mas acabou derrotado na última luta.

O brasileiro começou sua trajetória no Japão diante do mongol Tuguldur Bayarsaikhan e depois teve que passar por dois representantes da casa, Takeshi Ojitani e Ryu Shichinohe. Ano passado, Rafael Silva havia conquistado o bronze.

AFP
Rafael Silva foi derrotado na final, mas conseguiu o melhor resultado do Brasil na competição

A judoca Maria Suelen Altheman também representou o Brasil no pódio. Ela começou adiantada e passou pela japonesa Kanae Yamabe, no entanto, caiu diante da outra atleta da casa, Megumi Tachimoto, que depois se tornaria campeã ao bater a cubana Idalys Ortiz.

Pela categoria até 100 kg masculina, Luciano Correa perdeu na estreia para o grego Ilias Iliades. Já Renan Nunes derrubou o canadense Kyle Reyes e o russo Adian Bisultanov, mas não foi páreo para o local Daisuke Kobayashi, que seguiu na disputa e terminou no alto do pódio.

O Grand Prix de Tóquio conta pontos para o ranking mundial e o Japão foi o grande destaque no quadro geral, com dez medalhas de ouro, oito de prata e oito de bronze. A segunda colocada foi a Coreia do Sul, com três ouros e o mesmo número de medalhas de bronze. Já o Brasil terminou em quinto, com uma prata e quatro bronzes.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade