Motor/MotoGP - ( - Atualizado )

Membro do conselho de segurança vê Rossi competitivo na Yamaha

Roma (Itália)

Após duas temporadas frustrantes na Ducati, Valentino Rossi acertou o seu retorno à Yamaha, equipe pela qual conquistou quatro de seus sete títulos na MotoGP. Após testes com a moto da equipe japonesa, Loris Capirossi, membro do conselho de segurança da categoria, aposta no retorno das vitórias do italiano, mas evita apontá-lo como favorito ao título da temporada.

“Tive a chance de dar algumas voltas com a Yamaha em Valência e agradeço por isso. Percebi como a moto é competitiva. Valentino é meu amigo e acho que ele vai ser competitivo com uma moto vencedora”, analisa o ex-piloto, em entrevista ao jornal italiano Gazzeta dello Sport.

AFP
Compatriotas e amigos, Capirossi (à esq.) e Rossi (à dir.) já subiram ao mesmo pódio na MotoGP
Em dois anos na Ducati, Rossi subiu ao pódio em apenas três corridas, nenhuma delas na primeira colocação. Apesar da vontade de fazer uma boa temporada com a equipe, o italiano acertou o seu retorno à Yamaha, onde volta a fazer parceria com o espanhol Jorge Lorenzo, atual campeão da MotoGP.

“Ele vai recuperar o entusiasmo, embora vencer Dani (Pedrosa) e Jorge (Lorenzo) vai ser muito difícil. Acho que ele pode vencer corridas, embora não sei nada sobre o título. Se ele conquistá-lo, todos nós devemos nos curvar a ele”, conclui.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade