Natação/Mundial de Piscina Curta - ( - Atualizado )

Dois brasileiros avançam às finais no Mundial de piscina curta

Istambul (Turquia)

Dois brasileiros garantiram a classificação para as finais de suas provas logo no primeiro dia de disputa do Mundial de piscina curta, em Istambul, na Turquia. Enquanto Guilherme Guido foi o sétimo mais rápido (50s98) e avançou à decisão nos 100m costas, Felipe Lima chegou à final dos 100m peito com o quinto melhor tempo (58s05).

Já Beatriz Travalon foi eliminada na semifinal dos 50m peito. Com o tempo de 30s84, a brasileira foi apenas a 13ª colocada e não garantiu vaga na final. Outro de fora da decisão é João Gomes Júnior, após ser o 11º tempo (58s51) geral dos 100m peito – apenas oito avançam à disputa por pódio.

Nesta quarta-feira foram definidos os primeiros campeões do Mundial. Na prova masculina dos 200m livre, o norte-americano Ryan Lochte confirmou o favoritismo e garantiu o ouro, com 1m41s92. A segunda colocação ficou com o alemão Paul Biedermann, enquanto Conor Dwyer, também dos Estados Unidos, completou o pódio.

Já a húngara Katika Hosszu foi a primeira colocada nos 200m borboleta, com o tempo de 2m02s20. A medalha de prata ficou com a chinesa Lan Liu, enquanto Zsuzsanna Jakabos, compatriota de Hosszu, garantiu o bronze.

AFP
Apontado como sucessor de Phelps, Ryan Lochte (ao centro) garantiu ouro nos 200m do Mundial de piscina curta

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade