Natação/Mundial de Istambul - ( - Atualizado )

Nicholas Santos iguala recorde e vai à semifinal nos 50m borboleta

Istambul (Turquia)

O brasileiro Nicholas Santos garantiu vaga nas semifinais dos 50m borboleta no Mundial de natação de piscina curta com tranquilidade. Na manhã desta sexta-feira em Istambul, ele foi o mais rápido das eliminatórias com o tempo de 22s40, igualando o recorde da competição, estabelecido pelo venezuelano Alberto Subirats em 2010.

O Brasil ainda terá outro representante na semifinal dos 50m borboleta, já que Kaio Márcio nadou a 23s21 de manhã e garantiu o 11º tempo das eliminatórias. A próxima fase da prova será disputada ainda nesta sexta-feira

“Não esperava. Minha ideia era fazer agora na casa dos 22s50, mas aí vi que está sobrando e à noite vou tentar fazer uma passagem que me coloque nos 21 segundos na final. Esse é meu grande objetivo pessoal”, afirmou Nicholas Santos, dono do recorde sul-americano desde 2009 com a marca de 22s16.

O País também colocou dois nadadores na final dos 50m costas. Guilherme Guido, bronze nos 100m costas, avançou com a segunda melhor marca, 23s48, e Daniel Ozerchowski passou com o sétimo tempo, 28s64. O mais rápido foi o norte-americano Mathew Gravers, com a marca de 23s28.

“Para a parte da manhã foi bom pra classificar. À noite tem tudo pra melhorar”, afirmou Guido.

Na manhã desta sexta-feira, a natação feminina brasileira foi representada em Istambul no revezamento 4x100m medley feminino. A equipe composta por Fabíola Molina, Beatriz Travalon, Daynara de Paula e Larissa Oliveira encerrou a competição na décima colocação, com o tempo de 3min57s66.

Beatriz Travalon, nos100m peito, e Thiago Simon, nos 200m medley, não conseguiram avançar no Mundial.

Satiro Sodré/AGIF
Nicholas Santos liderou as eliminatórias dos 50m borboleta no Mundial de piscina curta em Istambul

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade