Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

Confusão com tranferência de Pikachu pode chegar ao fim no Paysandu

Belém do Pará (PA)

A confusão envolvendo o Paysandu e o atleta Yago Pikachu pode ter fim ainda esta semana. Empresário do jogador e responsável por cuidar da transação entre as duas partes e um grupo de investidores, Marcos Neves vem a Belém para resolver a situação sobre o futuro do atleta.

Pouco tempo atrás, havia sido anunciado que 70% dos direitos do atleta tinham sido vendidos, o que causou um mal-estar ao próprio jogador, que já havia manifestado seu interesse em permanecer no clube. Neves tem como objetivo resolver a situação do atleta, que foi apalavrado com outra equipe mas que ainda não tem um documento oficial do acordo.

Além disso, o empresário ainda terá que resolver um problema com Carlos Lisboa, procurador e pai de Yago Pikachu, que reinvindica não ter recebido 15% dos R$ 700 mil provenientes da venda do jogador. Para isso, Neves terá que tratar diretamente com o pai do atleta e Luiz Omar Pinheiro, presidente do Paysandu.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade