Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

Em nota oficial, São Paulo fala em "solidariedade" a jovem zagueiro

São Paulo (SP)

Mesmo preso na Alemanha, o zagueiro Breno, de 23 anos, firmou contrato até outubro de 2015 com o São Paulo, clube em que foi revelado. Em nota oficial divulgada na tarde desta quinta-feira, pouco depois de o nome do atleta ser publicado no Boletim Informativo Diário (BID) da CBF, a diretoria tricolor emitiu nota oficial a respeito do acordo.

"Reiteradas vezes o São Paulo Futebol Clube demonstrou publicamente sua solidariedade com relação à situação vivida pelo atleta na Alemanha, onde Breno reside há quatro anos, desde que deixou o futebol brasileiro em uma transferência que envolveu grandes cifras", diz trecho do texto.

O ex-jogador do Bayern de Munique foi condenado pela Justiça alemã a três anos e nove meses de prisão, culpado de ter sido o responsável por atear fogo na própria residência, em setembro de 2011. Na ocasião, ele estava alcoolizado e sozinho, enquanto a esposa, Renata, e os três filhos se encontravam fora da propriedade.

Apesar do acerto, motivado pela expectativa de que ele seja solto, após revisão do processo, não há garantias de que Breno consiga entrar em liberdade em tão breve. Justamente por isso, "visando dar segurança, estabilidade e acima de tudo perspectiva para o jogador", o São Paulo tratou de estabelecer um vínculo consideravelmente longo.

O comunicado ressalta ainda que "sempre procurou assistir seus atletas que por algum motivo precisaram de um suporte adicional ao que o clube oferece habitualmente". Por fim, reitera "confiança na justiça alemã para que a situação do atleta tenha a resolução mais adequada possível".

Segundo o clube, Breno passará a exercer as atividades profissionais tão logo tenha condição de regressar ao Brasil. A esperança é de que, pelo bom comportamento que vem tendo na cadeia, ele obtenha soltura já em janeiro do ano que vem.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade