Futebol/Copa Sul-americana - ( - Atualizado )

Em reapresentação atípica, titulares é que vão a campo no São Paulo

Tossiro Neto São Paulo (SP)

O elenco tricolor voltou à ativa na tarde desta segunda-feira, um dia depois da vitória por 3 a 1 sobre o Corinthians. Como quem atuou no clássico foram os reservas, desta vez o treino técnico com bola no gramado do CT da Barra Funda contou com o grupo principal, o qual geralmente só realiza trabalho regenerativo.

As principais estrelas foram poupadas da última rodada do Campeonato Brasileiro por conta da primeira final da Copa Sul-americana, contra o Tigre-ARG, nesta quarta-feira. O palco da partida, confirmado nesta segunda pelos argentinos, será La Bombonera, estádio de propriedade do Boca Juniors.

Em campo reduzido, os jogadores considerados titulares fizeram o último trabalho na capital paulista. A delegação tricolor viaja na manhã desta terça-feira para Buenos Aires, onde, à noite, fará um último treinamento, com local ainda indefinido.

Com "tanque cheio", como o técnico Ney Franco classificou após a vitória com reservas, o São Paulo deverá ser formado por Rogério Ceni; Paulo Miranda, Rafael Toloi, Rhodolfo e Cortez; Wellington, Denilson e Jadson; Lucas, Osvaldo e Luis Fabiano.

Invicto no torneio continental, com quatro vitórias e quatro empates, o São Paulo enfrenta o Tigre às 21h50 (de Brasília) de quarta-feira. Ao contrário das fases anteriores, na decisão o gol como visitante não vale como critério de desempate.

A partida de volta será na semana seguinte, no Morumbi, quando o meia-atacante Lucas fará sua despedida com a camisa tricolor. Em janeiro, ele se apresenta ao Paris Saint-Germain.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade