Futebol/Copa Sul-americana - ( )

Willian José espera chance para sair como campeão e até artilheiro

Tossiro Neto São Paulo (SP)

Relacionado para a primeira final contra o Tigre, mas cortado do banco em Buenos Aires, Willian José assistiu de camarote à expulsão de Luis Fabiano, em La Bombonera, na quarta-feira. Com a suspensão do camisa 9, na partida de volta ele pode não só ser opção na reserva como iniciar entre os titulares.

De saída para o Santos, o jovem atacante já fala como se tivesse sido informado pelo técnico Ney Franco de que irá para campo na quarta-feira que vem, no Morumbi, quando o São Paulo depende de vitória simples para ser campeão por ter empatado por 0 a 0 como visitante. Nova igualdade leva a partida à prorrogação.

"Fiquei um pouco surpreso (de ter sido cortado do banco), mas são opções do treinador, tem que se aceitar. Agora é ter tranquilidade para poder jogar o último jogo. Estou focado para poder buscar o título", disse Willian, no retorno da Argentina.

Por obra do destino – e de Luis Fabiano –, o criticado atacante tem a chance de sair por cima no Morumbi, estádio onde foi vaiado diversas vezes pela torcida tricolor nesta temporada. Algumas vezes, antes até de entrar nas quatro linhas, logo que retirado do aquecimento para a substituição.

Sergio Barzaghi/Gazeta Press
Atacante não renovará contrato com o clube, mas tem útima chance de ser campeão com a camisa tricolor
Mais do que isso, além de campeão, Willian José pode sair como artilheiro da Sul-americana. Com três gols até o momento, ele está a dois do topo da artilharia, dividido por cinco jogadores já eliminados: Ríos (Universidad Católica), Rentería (Millonarios), Fábio Renato (LDU de Loja), Fabbro (Cerro Porteño) e Nuñez (Liverpool).

"Espero sair feliz, de cabeça erguida, dando o título para o clube. Se fizer mais dois gols, estarei entre os artilheiros. Espero que possa estar em uma noite feliz, iluminada", concluiu o jogador, que fez dois gols em uma mesma noite na vitória sobre a Universidad de Chile, nas quartas de final.

O problema é que Willian José não é a única opção para substituir Luis Fabiano na próxima semana. Até mesmo Paulo Henrique Ganso, reforço que tem atuado poucos minutos depois de se recuperar de lesão, é uma alternativa estudada pela comissão técnica, que começa a preparação na manhã desta sexta-feira, a partir da reapresentação do elenco, no CT da Barra Funda.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade