Motor/Stock Car - ( )

Barrichello comemora “classificação gostosa e decente” na Stock Car

São Paulo (SP)

Rubens Barrichello ficou bastante satisfeito com a sétima posição no grid de largada da 7ª Corrida do Milhão da Stock Car – ele fez o oitavo melhor tempo, mas ganhou uma colocação com a punição aplicada a Ricardo Zonta. A prova será realizada no domingo, em Interlagos.

“Estou feliz com essa classificação gostosa e decente”, definiu Barrichello, ansioso para a Corrida do Milhão. “Será outra história, diferente. Quem fizer o carro durar mais obterá o melhor resultado.”

Antes da etapa final da Stock Car, Rubinho disputou as provas de Brasília e Curitiba para se adaptar ao carro. “Tudo o que aprendi modificou totalmente o meu modo de guiar na categoria. Dei um salto agora”, sorriu.

Neste fim de semana, o piloto com experiência na Fórmula 1 e na Fórmula Indy terá ao seu lado um circuito bastante conhecido para se destacar. “Tenho uma paixão muito grande por Interlagos, que é diferente na tocada, no modo de guiar. Sempre fui competitivo aqui”, avisou.

Miguel Costa Jr./MF2
O veterano Rubens Barrichello ficou satisfeito com a sua evolução a bordo do Stock Car
O objetivo de Barrichello é chegar entre os dez primeiros colocados na Corrida do Milhão – fugindo de acidentes. “Na Stock Car, os pilotos vão para cima quando há chance de ultrapassagem. Quero terminar com o meu carro limpo, para que os patrocinadores possam ler seus nomes na lataria depois da prova”, disse, sem deixar se seduzir pelo prêmio de R$ 1 milhão para o vencedor.

“Você só consegue pensar no dinheiro quando está liderando uma prova, já nas duas últimas voltas. No meu caso, tenho outros mil pequenos pensamentos. Se ganhar, vou doar tudo para o meu instituto. A criançada de lá está torcendo”, concluiu Rubens Barrichello.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade