Tênis/Federer Tour - ( - Atualizado )

Após vencer Federer, Thomaz Bellucci perde para algoz Tsonga

São Paulo (SP)

Após derrotar o suíço Roger Federer, Thomaz Bellucci não conseguiu o mesmo sucesso contra outro de seus principais algozes. Nesta sexta-feira, o brasileiro foi derrotado pelo francês Jo-Wilfried Tsonga por 2 sets a 0, duplo 6/2.

O número 1 do tênis brasileiro já havia perdido para o número 8 do mundo nos outros dois confrontos que disputou com ele, ambos neste ano: na primeira partida dos Jogos Olímpicos de Londres e no segundo jogo do ATP de Winston-Salem.

O jogo de exibição foi disputado no Ginásio Ibirapuera e é válido pelo Federer Tour, que reúne ainda grandes nomes como o suíço Roger Federer, os brasileiros Bruno Soares e Marcelo Melo, a norte-americana Serena Willians, a russa Maria Sharapova e a dinamarquesa Caroline Wozniacki.

Na quinta-feira, Bellucci derrotou a grande estrela da exibição, o atual número 2 do mundo Roger Federer. O recordista em tempo no primeiro lugar do ranking mundial perdeu por 2 sets a 1, parciais de 7/5, 3/6 e 6/4, e enfrenta Tsonga no sábado.

Djalma Vassão/Gazeta Press
Thomaz Bellucci não repetiu a boa atuação de quinta-feira e foi derrotado pelo francês Jo-Wilfried Tsonga
O jogo - Bellucci dificultou, mas Tsonga conseguiu confirmar o saque no primeiro game da partida. No segundo, o brasileiro abriu 40-0 e viu o francês se recuperar, mas acabou vencendo. Sacando novamente, Tsonga venceu o terceiro game com facilidade.

Com muitos erros de Bellucci, Tsonga chegou à primeira quebra no quarto game e confirmou o saque em seguida para abrir 4 a 1. O brasileiro venceu o game seguinte, mas não conseguiu devolver a quebra na sequência e ainda viu o número 8 do mundo vencer em seu saque e levar o primeiro set.

Tsonga começou bem o segundo set, vencendo o primeiro game, quebrando o saque de Belluci em seguida e voltando a confirmar o serviço para abrir 3 a 0 logo de cara. O número 1 do Brasil se recuperou no game seguinte, diminuindo para 3 a 1.

Os tenistas confirmaram seus saques na sequência, deixando o jogo em 4 a 2. O finalista da edição de 2008 de Roland Garros sacou bem para chegar ao 5 a 2 e ainda contou com um duplo match point no saque do brasileiro. Após perder o primeiro, o francês não perdoou e fechou a partida.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade