Mais Esportes/Tênis - ( - Atualizado )

Chardy elogia Hingis e credita ascensão no ranking à ex-número 1

Paris (França)

Jeremy Chardy teve ascensão impressionante no ranking mundial da ATP no segundo semestre de 2012, saltando do 58º para o 32º posto em um espaço de seis meses. Segundo o francês, o grande motivo para a sua melhora é Martina Hingis, ex-número 1 do mundo entre as mulheres e uma das auxiliares técnicas na Academia de Patrick Mouratagolu, onde Chardy treina.

“Alguém que foi número 1 em sua profissão é necessariamente uma pessoa com cabeça diferente e habilidade de entender as coisas. Sempre conversamos sobre tênis. Pergunto sobre treinamento e dúvidas que tenho. Seu entendimento do jogo e estratégia são muito fortes”, relata Chardy, em entrevista ao jornal francês L’Equipe.

Em dez anos de carreira, Martina Hingis chegou a 12 finais de Grand Slam, vencendo cinco delas – três vezes o Aberto da Austrália, uma vez em Wimbledon e uma vez no Aberto dos Estados Unidos. Além disso, a suíça garantiu o troféu do WTA Championships em duas oportunidades.

Já Jeremy Chardy tem como melhor participação nos quatro torneios de maior prestígio as oitavas-de-final em Roland Garros, em 2008. Em sua carreira, o francês soma apenas um título em torneios da ATP, em Stuttgart, em um ano depois.

AFP
Longe do sucesso de Hingis, Chardy comemora ascensão no ranking mundial da ATP

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade