Tênis/Federer Tour - ( )

Federer comemora encontro com Pelé: "Um dos melhores dias da vida"

André Sender São Paulo (SP)

O suíço Roger Federer é a principal estrela de uma série de partidas de exibição em São Paulo e levou fãs ao choro no Ginásio do Ibirapuera. Mas na tarde deste sábado, o tenista viveu momentos de fã, visitando Pelé em seu apartamento na região da Avenida Paulista, e disse ter ficado extasiado com o encontro.

Federer e Pelé se encontraram no início da tarde de sábado, após o suíço bater bola com a norte-americana Serena Williams no vão livre do Masp. As duas estrelas do esporte mundial trocaram camisas de tênis e da Seleção Brasileira autografadas para celebrar o encontro.

"Foi um dos dias mais incríveis da minha vida. Conhecer Pelé em seu próprio País é um sonho para qualquer atleta, qualquer pessoa. Ele teve uma grande carreira, muito longa, só posso respeitá-lo. Era por isso que estava tão ansioso para encontrá-lo", revelou Federer após derrotar o francês Jo-Wilfried Tsonga em seu segundo jogo em São Paulo.

Pelé se recupera em casa de uma cirurgia no quadril realizada na primeira quinzena de novembro e raramente sai do apartamento em que Federer foi visitá-lo. O ex-atleta deixou o hospital apenas dois dias após a operação e se movimentando com a ajuda de um andador, mas impressionou o tenista suíço neste sábado.

Reprodução/Facebook
Federer e Pelé se conheceram em São Paulo, onde o suíço realiza série de partidas de exibição
"Realmente gostei do momento, foi muito, muito legal. Ele sabe bastante sobre tênis, está bem informado. Está em boa forma, foi um prazer vê-lo tão feliz e me sinto privilegiado por ter feito isso", afirmou.

Federer, vice-líder do ranking mundial, já jogou duas vezes diante da torcida brasileira em sua primeira viagem ao País. Na quinta-feira, ele perdeu para Thomaz Bellucci por 2 sets a 1, mas causou comoção no público do Ginásio do Ibirapuera. Neste sábado, derrotou Jo-Wilfried Tsonga com autoridade diante de aproximadamente 10 mil pessoas.

O ato final do suíço em terras brasileiras ocorre neste domingo às 18h (de Brasília), quando ele encerra o Federer Tour jogando contra o alemão Tommy Haas.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade