Tênis/Torneio Exibição de Abu Dhabi - ( - Atualizado )

Federer recusa convite para substituir Nadal em Abu Dhabi

Abu Dhabi (Emirados Árabes)

Após ser deixado de lado pela organização do torneio exibição de Abu Dhabi com o argumento de que não estava entre os campeões da competição, Roger Federer foi visto como a solução para substituir Rafael Nadal, que adiou seu retorno às quadras devido a febre que o impossibilita de atuar. O suíço, no entanto, recusou o convite, obrigando os organizadores a fecharem com Nicolás Almagro, compatriota de Nadal.

“Conversamos com alguns jogadores e também chamamos o Federer”, revela Greg Sproule, um dos responsáveis pela organização do evento. “Mas Roger planejou seu calendário com antecedência. Ele vem de uma intensa viagem pela América do Sul e começou seus treinamentos para o Aberto da Austrália. Ele não estava preparado para jogar”, argumenta.

AFP
Deixado de lado pela organização, Federer recusou substituir Rafael Nadal alegando calendário apertado
A IMG, empresa de marketing responsável pela organização do torneio, é a mesma que há alguns meses teve o contrato rompido por Federer. Por conta disso, surgiram rumores que o suíço não teria sido convidado para a disputa em Abu Dhabi. Do outro lado, o número dois do mundo teria cortado o Masters 1000 de Miami, outro evento da IMG, de seu calendário.

“Pelo que sabemos, Federer é grande amigo do torneio. Ele é o melhor tenista de todos os tempos e foi muito amigável em nossa aproximação. Vamos tentar trazê-lo nos próximos anos”, rechaça Sproule.

Segundo o site norte-americano Tennisworld, porém, a desistência de Nadal também seria motivada pelo rompimento de seu contrato com a IMG, decisão tomada pelo espanhol junto a seu pai e seu tio e treinador, Toni Nadal.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade