Futebol/Bastidores - ( )

Dedé revela “situação apertada” e pede que Vasco priorize salários

Bruno Ceccon e Luiz Ricardo Fini São Paulo (SP)

A situação financeira do Vasco gera um desconforto ao elenco do clube. Um dos principais jogadores da equipe, o zagueiro Dedé lamenta os atrasos de salários e confirma que ainda há pendências neste fim de ano.

“Não está quitado, todo mundo sabe que está atrasado. Não gosto de falar sobre coisas ruins que acontecem no Vasco, mas a situação está ficando apertada. Tomara que dê tudo certo, porque tenho paixão pelo clube”, afirmou o atleta, antes da participação na 9ª edição do Troféu Mesa Redonda, na noite desta terça.

A falta de pontualidade na remuneração dos atletas foi um problema enfrentado pelo Vasco durante a temporada. Por isso, Dedé pede que o clube supere as dificuldades internas e priorize os salários do elenco.

Marcelo Ferrelli/Gazeta Press
Zagueiro Dedé lamenta atrasos de salários, mas também vê saídas de jogadores como problema
“Para mim e todos os jogadores, este é o principal dever do clube. Sei que tem dificuldade, questão política e burocracia, mas os jogadores não têm nada a ver com isso e não podem sofrer com uma coisa interna. Estou no Vasco há três anos e não julgo ninguém, mas as consequências sobram para os atletas, com a torcida ficando impaciente”, acrescentou.

Apesar de lamentar os atrasos, o zagueiro nega que a situação tenha sido determinante para a queda de rendimento do clube na reta decisiva do Campeonato Brasileiro, pois alega que o grande problema foram as saídas de opções importantes do elenco, como Diego Souza, Rômulo, Fagner e Allan.

“Isso (salário) não afetou nosso fim de ano. Jogamos a Libertadores com pequeno atraso também e ainda chegamos à vice-liderança (do Brasileirão) de 2011 com adversidades. O que afetou foi a questão do elenco, e eu também não estava bem para ajudar, porque sofri lesões. Mas penso em continuar no clube”, ponderou.

O jogador se mostrou animado com a chegada de René Simões para o cargo de diretor executivo do time cruz-maltino. “Ele parece ser um cara muito inteligente e acho que o Vasco está começando bem o planejamento para o próximo ano”, concluiu.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade