Futebol/Bastidores - ( )

Depois de Prass, Auremir rescinde com o Vasco por atrasos salariais

Rio de Janeiro (RJ)

O Vasco voltou a ser castigado pelos constantes atrasos salariais. Após arcar com os vencimentos de apenas 13 atletas e acumular três meses de pendências com o time, a diretoria viu o goleiro Fernando Prass acertar com o Palmeiras, na última terça-feira, e, nesta sexta, o lateral Auremir deixar o clube beneficiado pela interrupção do seu vínculo na CBF.

A rescisão foi publicada no Boletim Informativo Diário (BID) da CBF. Negociado em junho com o Vasco, o jogador, que é volante de origem, poderá retornar ao Timbu. Com apenas 21 anos, Auremir é visto com bons olhos para compor o elenco comandado por Alexandre Gallo nos Aflitos.

A situação do Vasco na negociação com os alvirrubros ficou ainda mais delicada depois de a diretoria cruz-maltina não arcar com o combinado no momento da transferência. O time deixou de pagar duas parcelas referentes ao valor estipulado pelos pernambucanos e havia pedido um prazo maior para encontrar meios de quitar sua dívida. O Náutico não aceitou e a rescisão foi confirmada pelas partes.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade