Futebol/Bastidores - ( )

Vasco colocará Felipe para treinar separado e sonha com negociação

Rio de Janeiro (RJ)

As declarações de Felipe sobre a forma como era tratada a crise financeira no Vasco foram fundamentais para a diretoria anunciar que não pretende contar com o jogador na próxima temporada. Porém, a falta de verba para acertar a rescisão do contrato do atleta faz com que ele tenha que permancer no Gigante da Colina até o final de seu contrato, em dezembro de 2013. Sem poder dispensar o meia, a intenção do clube negociar é o jogador de 35 anos.

“Ele é um jogador que tem contrato até o fim de 2013, o Vasco vai ter que cumprir esse contrato ou, se aparecer algum clube interessado, nós vamos negociá-lo. Mas por enquanto ele está afastado”, afirmou René Simões, diretor executivo do clube, à Rádio Grenal.

Tendo que permanecer no Cruz-maltino, Felipe terá um tratamento diferente dos demais atletas. "Ele vai treinar em separado porque o contrato tem que ser cumprido. Vamos cumprir o contrato com ele", declarou o dirigente ao Esporte Interativo.

O jogador, mesmo sendo reserva, tinha o maior salário do clube, o que era um problema devido à crise financeira vivida pelo Vasco. A falta de dinheiro do time para honrar seus compromissos também fez Alecsandro, Fernando Prass e Juninho deixarem a equipe após o Campeonato Brasileiro.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade