Vôlei/Superliga feminina - ( - Atualizado )

Vôlei Amil bate Sesi no tie break; Banana Boat segue invicto

São Paulo (SP)

A terça-feira foi de rodada completa na Superliga feminina. No primeiro jogo da noite, o Sesi recebeu o Vôlei Amil no ginásio da Vila Leopoldina em São Paulo e acabou derrotado pelo time treinador por José Roberto Guimarães por 3 sets a 2 com parciais de 23/25, 30/28, 15/25, 25/14 e 13/15, a primeira da história da equipe no tie break.

A ponteira búlgara Elisa Vasileva foi o grande destaque do confronto do lado do time de Campinas, enquanto a oposto Elisângela brilhou do lado da equipe da capital. O Sesi chega a sua segunda derrota seguida na competição e agora tem sete pontos na tabela. Já o Amil emplaca sua segunda vitória consecutiva com os mesmos sete pontos.

Divulgação
De contrato renovado com a Seleção, Zé Roberto vibrou com a vitória no tie break
Em Uberlândia, no interior de Minas Gerais, o líder Banana Boat/Praia Clube manteve a invencibilidade na Superliga ao bater o São Cristóvão Saúde/São Caetano por 3 sets a 1 com parciais de 25/22, 22/25, 25/14 e 25/23. Com quatro vitórias seguidas, o time mineiro segue na liderança com 12 pontos, contra apenas três dos paulistas.

No ginásio Henrique Villaboim, o Sollys/Nestlé não tomou conhecimento das donas da casa do Esporte Clube Pineiros e venceu por 3 sets a 0 com parciais de 21/25, 16/25 e 16/25. Com o resultado, as meninas do Pinheiros amargam a quarta derrota consecutiva e seguem sem pontuar. Já o Sollys/Nestlé dá sequência à recuperação após a derrota na estreia par ao Vôlei Amil e já soma nove pontos.

Se José Roberto Guimarães, técnico da Seleção feminina, saiu com vitória, o comandante dos homens, Bernardinho, terminou a terça-feira de mau humor. Jogando em Belo Horizonte na Arena Vivo, o Unilever foi derrotado por 3 sets a 0 pelo Usiminas/Minas, com parciais de 29/27, 25/21 e 26/24. As cariocas conheceram a primeira derrota na Superliga e seguem com nove pontos, mesma pontuação das mineiras.

Quem teve motivos para comemorar foi a equipe do Rio do Sul, que bateu o São Bernardo Vôlei em São Bernardo do Campo por 3 sets a 0. As parciais foram de 26/28, 19/25 e 14/25, deixando as catarinenses fora da lanterna, agora com três pontos. O time do ABC, no entanto, segue sem pontuar.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade