Futebol/Libertadores - ( - Atualizado )

Em boa fase, Leandro Donizete projeta dificuldade na Libertadores

Do correspondente Wanderson Lima Belo Horizonte (MG)

O volante Leandro Donizete chegou ao Atlético-MG na temporada passada com desconfiança da torcida alvinegra, mas aos poucos conseguiu mostrar serviço e se tornou titular do técnico Cuca. O atleta considera que 2012 foi o melhor ano da carreira, e acredita que em 2013 será melhor ainda com a disputa da Libertadores, a primeira de Leandro Donizete.

“Todos os clubes que você chega, tem que provar. Cheguei com desconfiança por parte da torcida, mas consegui mudar isso. Foi o melhor ano da minha carreira. Vice brasileiro pode não ser nada para os outros, mas para nós foi muito importante. Fui campeão mineiro invicto e consegui o respeito de todo mundo, espero que esse ano seja ainda melhor”, declarou.

Leandro Donizete afirma que o grupo do Galo na Libertadores é complicado, com Arsenal-ARG e The Strongest-BOL, principalmente com o Atlético-MG encarando a altitude para duelar contra os bolivianos. O time mineiro ainda pode ter o São Paulo no grupo, caso os paulistas passem pela primeira fase, por isso, o volante atleticano quer os alvinegros vencendo os jogos em casa.

“Quem está na briga não pode escolher quem vai pegar. A altitude é muito difícil e todos jogos fora serão difíceis. Tem o São Paulo que se passar vai ser difícil também. Independentemente de quem o Atlético-MG enfrentar, não podemos escolher. Temos que matar todos em casa para dar tranquilidade quando jogarmos fora”, disse.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade