Futebol/Bastidores - ( )

Ainda técnico da Seleção, Mano Menezes colocou CR7 à frente de Messi

São Paulo (SP)

Pouco depois de Lionel Messi levantar a Bola de Ouro da Fifa pela quarta vez consecutiva, a entidade máxima do futebol divulgou a lista com todos os eleitores e seus votos referentes à temporada de 2012. E uma curiosidade envolveu a Seleção Brasileira: ainda como técnico canarinho, Mano Menezes votou em Cristiano Ronaldo como melhor jogador do mundo.

Como a votação da Fifa foi realizada antes de sua demissão, dias após faturar o título do Superclássico das Américas, Mano foi colocado na lista como treinador da Seleção. Já na cerimônia realizada em Zurique, na Suíça, o representante pentacampeão era o escolhido pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF) para substituir Mano: Luiz Felipe Scolari.

Na contramão da maioria dos eleitores, o ex-treinador de Grêmio e Corinthians colocou Cristiano Ronaldo à frente de Messi, apenas o segundo colocado para ele. O ‘pódio’ de Mano ainda foi completado pelo colombiano Falcao García, do Atlético de Madri, que sequer chegou à decisão da Fifa.

AFP
Enquanto estava no comando da Seleção, Mano participou da votação do prêmio da Fifa e elegeu CR7
Já o capitão Thiago Silva, que trocou o Milan pelo Paris Saint-Germain em julho, seguiu a maioria e colocou Messi em vantagem para a quarta Bola de Ouro. Cristiano Ronaldo foi o vice do zagueiro da Seleção, que também ignorou Andrés Iniesta e colocou o companheiro milanista e parisiense Zlatan Ibrahimovic na terceira posição.

O narrador e apresentador da Rede Globo Cléber Machado foi o escolhido para representar a imprensa brasileira e também deixou Iniesta de fora. Além de eleger Messi o melhor do mundo, Machado colocou o espanhol Xavi à frente de Cristiano Ronaldo.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade