Tênis/Bastidores - ( - Atualizado )

Após declarações de Murray, Ross Hutchins revela luta contra câncer

Londres (Inglaterra)

Campeão do ATP 250 de Brisbane, o britânico Andy Murray se emocionou e dedicou o título a um amigo doente, sem revelar o seu nome. Logo após a conquista do compatriota, o duplista Ross Hutchins revelou em seu twitter que luta contra um Linfoma de Hodgkin, câncer que ataca o sistema linfático.

“Feliz ano novo a todos! Infelizmente estarei longe do tênis por um tempo, já que fui recentemente diagnosticado com Linfoma de Hodgkin. Estou bem, muito otimista com o excelente suporte médico, de amigos e dos meus parentes. Espero estar de volta às quadras em breve”, escreveu Hutchins, de 27 anos.

AFP
Afastado por causa de câncer, Hutchins (à esq.) foi homenageado por Murray (à dir.) após conquista em Brisbane
O Linfoma de Hodgkin é uma doença que se origina nos gânglios do sistema linfático, tecido responsável pela produção de células imunológicas e pelos vasos que as conduzem pelo corpo. A doença é mais comum entre pessoas com idade entre 15 e 40 anos, tendo índice de cura em 60%.

Em julho de 2011, a russa Alisa Kleybanova, então com 22 anos, foi atingida pela mesma doença. Após sete meses em tratamento, voltou às quadras e segue no circuito, sendo a atual número 545 do mundo – antes da doença, chegou à 22ª colocação de simples e ao top 10 de duplas, em 2010.

Número 28 do mundo nas duplas, Ross Hutchins atua ao lado do compatriota Colin Fleming. Com o afastamento do companheiro, Fleming irá fazer parceria com o brasileiro Bruno Soares no ATP 250 de Sydney, disputado durante esta semana.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade