Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

Com primo negociando transferência, Messi ganha camisa do Vitória

Salvador (BA)

Eleito pela quarta vez consecutiva como melhor jogador de futebol do ano, o argentino Lionel Messi ganhou um presente inusitado na última semana. Enquanto almoçava com a esposa em um restaurante na Espanha, o camisa 10 do Barcelona foi abordado por um torcedor do Vitória e não hesitou em posar segurando o uniforme rubro-negro, que provavelmente será vestido por seu primo Maxi Biancucchi em 2013.

O torcedor baiano Benehilton Alves abordou Messi em sua mesa e não enfrentou qualquer resistência. O argentino não vestiu a camisa 10, mas comparou as cores às do uniforme do Newell’s Old Boys, equipe que defendeu no início da carreira e sorriu. O cinegrafista amador, amigo do torcedor, ainda avisou o astro argentino: “Você ainda vai vestir essa camisa, quando tiver uns 38 anos”.

Messi fez questão de agradecer o presente e, no Brasil, a foto tirada pelo torcedor já repercutiu positivamente para o Vitória. “Por se tratar do melhor jogador da atualidade, a foto deverá ser vista no mundo inteiro. O torcedor que presenteou o Messi com a camisa está de parabéns. As cores do Vitória serão vistas por milhares de pessoas”, disse Carlos Falcão, vice-presidente do clube, consciente de que o registro já estampa manchetes na imprensa argentina e espanhola.

Enquanto Messi apenas posa com o uniforme do Vitória, seu primo Maxi Biancucchi está bem próximo de vestí-lo na próxima temporada. Aos 28 anos, o ex-jogador do Flamengo rescindiu seu vínculo com o Olímpia, do Paraguai, e tem a transferência para o clube baiano intermediada pelo empresário Régis Marques Chedid. O jogador chega a Salvador no final da tarde desta segunda-feira e deve assinar contrato por um ano na terça.

Reprodução
Messi estava almoçando, mas atendeu Benehilton e ainda tirou foto segurando a camisa do Vitória

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade