Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

Emocionado, Balotelli se despede do City: "Sempre estará no coração"

Manchester (Inglaterra)

Contratado pelo Milan na última terça-feira, o atacante Mario Balotelli, que estava no Manchester City, despediu-se oficialmente do clube inglês nesta quinta. Através de entrevista ao site oficial, o jogador agradeceu aos torcedores do time e falou sobre a sua relação com os seus ex-colegas.

“Com certeza eu vou me lembrar dos meus brilhantes companheiros de time, do técnico e dos torcedores. Eles são os melhores e sempre terão um espeço reservado no meu coração. O Manchester City é um grande clube e tem um ótimo futuro”, elogiou o italiano, que já se envolveu em diversas polêmicas.

Após o empate da equipe com o Queens Park Rangers, pelo Nacional, na última terça, Balotelli jantou com os jogadores e a comissão técnica e se emocionou com o encontro final. “Eu me despedi de todo mundo. Foi muito emocionante para mim”, admitiu.

Na Eurocopa da temporada passada, o atleta de 22 anos, jogando pela seleção da Itália, recusou-se a comemorar um gol marcado e, depois de ser questionado pela imprensa local, explicou que não o celebrou porque “um carteiro não o faz quando entrega uma carta”.

AFP
O atacante Mario Balotelli, em sua despedida do Manchester City, exaltou ex-colegas e se emocionou
Elegendo a conquista do Campeonato Inglês da temporada 2011/2012 como o momento mais especial na cidade de Manchester, Balotelli também aproveitou para acabar com qualquer especulação sobre um mau relacionamento com o treinador Roberto Mancini, com quem já trocou empurrões em treino.

“Eu falei com o Roberto antes de falar com os jogadores. Nós falamos sobre um monte de coisas. Ele estava triste, e eu também. Mas foi uma boa conversa. Eu amo o Roberto e ele foi muito importante para a minha carreira, e sempre serei grato por ele ter confiado em mim”, declarou.

Projetando um “crescimento pessoal” no Milan, Balotelli não descartou a hipótese de retornar ao City algum dia. “Talvez a gente possa se rever um dia”, finalizou o atacante, contratado por 20 milhões de euros (R$ 54,5 milhões) com um contrato de dois anos, que dá R$ 15 milhões anuais ao jogador, segundo informações da imprensa local.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade