Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

Henry visita CFA do Red Bull e pede trabalho duro para jovens

Campinas (SP)

Jogador do Red Bull New York, o francês Thierry Henry visitou o Centro de formação de atletas da filial brasileira do time, localizado na cidade de Campinas. Distribuindo conselhos aos garotos que o reconhecem como um ídolo, o craque avisa que só com muito esforço eles poderão brilhar nos campos de futebol.

“Parece um pouco clichê, mas tem que trabalhar forte. É como eu sempre digo, tem de trabalhar duro, muito duro, e ser simples no campo”, advertiu o maior goleador da história do Arsenal, que se surpreendeu com a recepção que teve. “Não estava esperando nada, mas foi legal ver que as pessoas reconhecem o que você fez no passado. Foi bom ver isso. E só de estar em volta dos garotos sempre é especial. Foi muito bom gastar um pouco de tempo com os garotos e conversar com eles”.

A visita pelo CFA do Red Bull também impressionou o atacante, que elogiu a estrutura vista. “Deve ser um sonho para os meninos estar aqui, com certeza eles vão tirar proveito dessas condições e uma grande geração está por vir”, profetizou.

Algoz brasileiro na Copa do Mundo de 2006, quando marcou o gol que eliminou a equipe verde-amarela nas quartas de final, o experiente Henry também aproveitou para elogiar Gilberto Silva, companheiro dos tempos de Arsenal.

Divulgação/Red Bull
Henry encantou os jogadores das categorias de base do Reb Bull Brasil, em vistia ao CFA do clube

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade