Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

Kleber deve voltar atuar pelo Grêmio somente em fevereiro

Do correspondente Vicente Fonseca Porto Alegre (RS)

As lesões perseguem o atacante Kleber em sua passagem pelo Grêmio. Depois de ficar quase três meses parado entre março e junho do ano passado, o Gladiador deve repetir a dose neste começo de ano. De molho desde novembro, deve retornar aos gramados apenas em fevereiro, completando ao todo seis dos 14 primeiros meses de Grêmio no departamento médico.

Com uma lesão no tendão fibular do tornozelo, Kleber não atua desde o dia 16 de novembro, quando a equipe enfrentou o Millonarios, em Bogotá. Segundo o médico Márcio Bolzoni, sua participação na primeira fase da Libertadores, quando o Grêmio enfrentará a LDU, está descartada. Seu retorno aos gramados deve ocorrer apenas em fevereiro, já com a etapa de grupos em andamento.

Se não poderá contar com Kleber, ao menos o técnico Vanderlei Luxemburgo terá à disposição o argentino Facundo Bertoglio, plenamente recuperado de lesão muscular. O jogador passou as férias treinando na Argentina e se diz pronto para voltar ao combate: “Não sinto nada de dor. Agora, com a pré-temporada, vou ficar 100% para o ano. Preciso aproveitar esta oportunidade”, indicou Bertoglio.

Mesmo com seis jogadores ofensivos no elenco (Kleber, Bertoglio, Marcelo Moreno, André Lima, Willian José e Leandro), o Grêmio ainda corre atrás de um atacante veloz para a disputa da Libertadores. O nome preferencial segue sendo o chileno Eduardo Vargas, do Napoli.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade