Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

Muricy critica ida de “aposta” Bruno Peres para o Internacional

Do correspondente Rodrigo Martins Santos (SP)

A praticamente concretizada negociação do lateral-direito Bruno Peres com o Internacional-RS, não agradou em nada ao técnico Muricy Ramalho. Para o treinador do Santos, que apostou na contratação do ala, que disputou o último Campeonato Paulista pelo Guarani, o jogador deveria ter analisado melhor a situação. Muricy lembrou que, nem sempre, uma troca de clube é simples.

“Aqui é a casa dele. O Santos tem um ambiente muito bom e uma mudança pode até ser legal financeiramente, mas pode não ser tão boa no aspecto profissional. Não é fácil ir para outro lugar, se adaptar a uma nova equipe. Mas isso quem tem que decidir são as pessoas que tomam conta da carreira dele”, disse o comandante santista, que utilizou Bruno Peres no segundo tempo do amistoso contra o Grêmio-SP, vencido pelo Peixe, por 4 a 0, na noite da última quarta-feira, no Pacaembu.

Muricy Ramalho acreditava que o lateral fosse continuar na Vila Belmiro, até o fim do seu empréstimo, em maio deste ano – o Peixe tinha o direito de exercer a opção de compra de Peres, junto ao Audax-SP.

“Apostei muito nele. Quando trouxemos o Bruno, ele era reserva do Guarani. Até porque, o Oziel tinha sido o melhor da posição, naquele campeonato (Estadual do ano passado). É outra coisa que eu não entendo muito. Mas, às vezes, as pessoas escolhem o caminho errado”, analisou Muricy, descontente com a provável saída do atleta.

Bruno Peres, que está emprestado pelo Audax-SP, deverá ter 50% dos seus direitos econômicos negociados com o Colorado. Detalhes burocráticos separam a assinatura de contrato do ala-direito com o time gaúcho, por duas temporadas. O Alvinegro Praiano deve receber uma compensação financeira pela quebra do acordo.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade