Futebol/Campeonato Paulista - ( )

Fisioterapeuta prevê “muito trabalho” para Pato jogar com frequência

Marcos Guedes São Paulo (SP)

As recorrentes lesões de Alexandre Pato não assustam o departamento médico do Corinthians. Para deixar o reforço em condições de atuar com frequência, no entanto, o fisioterapeuta Bruno Mazziotti conta com bastante dedicação.

“Não é milagre. Ele vai precisar de muito trabalho para ter uma sequência grande de jogos”, avisou o profissional do Corinthians, que era fisioterapeuta pessoal de Ronaldo. Quando o ex-atacante estava no italiano Milan, portanto, ele passou a ter contato também com Pato.

Sergio Barzaghi/Gazeta Press
Bruno Mazziotti era fisioterapeuta particular de Ronaldo quando conheceu Pato no Milan
Segundo Mazziotti, não será necessário doutrinar o reforço corintiano a se preocupar com uma preparação adequada. “O jogador tem ciência de que deve trabalhar com afinco para voltar a apresentar um nível de excelência”, comentou.

De qualquer forma, Bruno Mazziotti, com a experiência de quem trabalhou com os pesados Ronaldo e Adriano no Corinthians, não se sente pressionado com a tarefa de condicionar o atacante de 23 anos.

“O Pato não é dor de cabeça para a gente. Todos os grandes jogadores merecem a chance de reabilitação”, disse. “Quando o jogador tem um histórico de lesões, você deve estar precavido. Já nos aprofundamos um pouco para buscar o que aconteceu com ele. Não encontramos obstáculos, nenhuma condição pré-existente que o impeça de jogar”, garantiu.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade