Futebol/Campeonato Paulista - ( - Atualizado )

Zizao se atrapalha com o português e não se vangloria por atuação

São Paulo (SP)

Chen Zizao foi o jogador do Corinthians mais assediado após o monótono empate por 1 a 1 com o Paulista, neste domingo, em Jundiaí. Não mais por ser um mero garoto-propaganda do departamento de marketing do clube ou por ter aprimorado o português. O chinês enfim se destacou dentro de campo, com uma bela assistência para o gol de Giovanni.

“Não sei como falar...”, explicou diversas vezes Zizao, atrapalhado diante de repórteres, provando que o seu português não melhorou tanto assim. O futebol, sim. “O gol foi da equipe. Todos os jogadores foram bem. Jogamos como o professor pediu. Foi bom. Não sei como falar”, reforçou, sorridente.

Mesmo com a insistência dos jornalistas, Zizao evitou se vangloriar por sua atuação. “Foi o time”, disse. “Estou feliz e só quero ajudar o time. Obrigado para toda a torcida”, acrescentou o chinês, ovacionado em Jundiaí.

Divulgação/Agência Corinthians
Zizao ganhou abraços e aplausos por sua boa atuação diante do Paulista (foto: Daniel Augusto Jr./Ag. Corinthians)
Os companheiros de Zizao já se convenceram de sua capacidade. “Sempre soube que o Zizao tinha qualidade. Muita gente questionava a sua contratação, mas ele veio para jogar e está começando a mostrar isso em campo”, elogiou o lateral direito improvisado Edenílson.

Este foi apenas o segundo jogo de Zizao pelo Corinthians – o primeiro como titular – em quase um ano de Parque São Jorge. Em 2011, ele havia participado de menos de 15 minutos de uma derrota para o Cruzeiro, no Campeonato Brasileiro, quando chegou a arriscar uma pedalada.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade