Futebol - ( - Atualizado )

Alex tem gol olímpico anulado, mas vibra com empate no finalzinho

Curitiba (PR)

Alex teve um gol olímpico anulado e acertou duas bolas na trave, mas não terminou sua volta ao Coritiba totalmente frustrado. Em um suposto amistoso que teve cinco expulsões no Couto Pereira, o Coxa arrancou um empate por 1 a 1 com o Colón aos 49 minutos e meio do segundo tempo, gol de Deivid.

Muito festejado, o atleta de 35 anos teve bons momentos na partida, que começou a esquentar ainda no primeiro tempo. Pouco antes do intervalo, uma confusão entre Rafinha e Raldes fez o árbitro Rodolpho Toski Marques tirar o cartão vermelho do bolso pela primeira vez e mostrá-lo aos dois jogadores.

O Colón saiu na frente aos oito minutos do segundo tempo, quando um cruzamento de Bastia achou Gigliotti para um bom cabeceio. Aí os donos da casa passaram a buscar o empate, pressão que aumentou com a expulsão de Prediger, aos 39 minutos, por falta em Alex.

Divulgação
"O Alex voltou", cantou a torcida do Coxa, empolgada com o retorno do ídolo
O próprio meia acertou o travessão na cobrança. Três minutos depois, nova batida de falta na trave. E o jogo ficou ainda mais aberto com nova expulsão de cada lado – Escudero e Achucarro –, que deixou a disputa em nove jogadores contra oito.

O Coritiba foi definitivamente ao ataque e evitou uma derrota que frustraria bastante a sua torcida, que compareceu em bom número no Couto Pereira. O cronômetro já se aproximava dos 50 minutos quando Deivid recebeu cruzamento da esquerda e cabeceou no canto direito do goleiro.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade