Motor/Fórmula 1 - ( - Atualizado )

Christian Horner renova e segue no comando da Red Bull até 2017

Milton Keynes (Inglaterra)

A Red Bull definiu seu comando próximos anos. O inglês Christian Horner, chefe da equipe, renovou o contrato com a escuderia até o fim da temporada de 2017.

O ex-piloto de 39 anos assumiu a escuderia austríaca em 2005, sendo o chefe da Fórmula 1 mais novo na época. Desde que chegou à equipe, o britânico levou a Red Bull de uma equipe intermediária à escuderia melhor sucedida nos últimos anos.

Em 2004, a Red Bull comprou a Jaguar, que fazia parte do pelotão intermediário, ficando sempre entre a sétima e nona posição nas temporadas que disputou. Os primeiros anos da Red Bull mantiveram essa tendência, mas, a partir de 2009, a equipe mudou de patamar.

Após um segundo lugar em 2009, a escuderia venceu todos os mundiais de construtores seguintes. Nos últimos três anos, a Red Bull não só teve a hegemonia entre as equipes, como viu o alemão Sebastian Vettel se consagrar tricampeão.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade