Motor/Fórmula 1 - ( - Atualizado )

Ecclestone já admite chance de calendário 2013 da F-1 ter 19 provas

Istambul (Turquia)

Bernie Ecclestone já está considerando a possibilidade de a temporada 2013 da Fórmula 1 ter somente 19 corridas em seu calendário em vez das 20 que estavam no planejamento inicial. Tudo isso porque o mandatário da categoria ainda não fechou acordo com a Turquia. Diante do imbróglio, a decisão final deve ser tomada na semana que vem.

O calendário deste ano da F-1 foi divulgado no último mês de dezembro e nele constava a realização de uma das etapas no dia 21 de julho, com França, Áustria e Turquia disputando o direito de sediar a prova na data reservada para o continente europeu, mas Ecclestone sempre deixou claro a preferência pessoal pela Turquia. “No momento, estou pensando mais na Turquia e em um retorno para Istambul”, declarou Bernie, na época.

O que complica a corrida na Turquia é o fato de que o próprio Ministro dos Esportes do país já garantiu que dinheiro público não será utilizado para a realização da corrida. A mesma falta de apoio financeiro do governo foi encontrada na França. Assim, Ecclestone já admite um calendário menor neste ano.

“Agora, estou pensando que devemos ter apenas 19 GPs este ano. Esse não seria um grande problema para a F1. Provavelmente, vamos chegar a essa decisão na semana que vem”, finalizou.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade