Futebol/Campeonato Espanhol - ( - Atualizado )

Apesar de retorno após cirurgia, Vilanova afirma: "Não acabou"

Barcelona (Espanha)

Operado no último dia 20 de dezembro para retirada de um câncer na glândula parótida, o treinador do Barcelona, Tito Vilanova, retornou ao comando do time neste domingo, na goleada por 4 a 0 diante do Espanyol. Apesar de voltar ao banco de reservas, o técnico afirmou que ainda não está plenamente recuperado do problema e que desfalcará a equipe catalã em alguns momentos ao longo da temporada.

“Mesmo que isso ainda não tenha acabado, quero saibam que, às vezes, não poderei estar nos treinamentos e espero que vocês (imprensa) respeitem isso. Sei que sou uma pessoa pública, mas a doença é particular. Para todo resto, estou à disposição”, disse.

Substituído pelo auxiliar Jordi Roura durante o período que esteve ausente, Vilanova foi discreto em seu retorno aos gramados. Durante a vitória sobre o adversário catalão, o treinador permaneceu quase todo o tempo sentado no banco de reservas e foi duas vezes até a área técnica.

“Normalmente, gosto de ficar de pé, pois assim é possível ver melhor a partida. No entanto, a verdade é que tudo saiu muito bem durante o jogo e não tivemos muitas coisas para corrigir”, completou Vilanova, que celebrou o triunfo. “Temos consciência da importância de ganhar essa partida. Suponho que todos estão contentes de me ver bem, mas eles sempre têm essa vontade de jogar e vencer”, encerrou.

Após 18 rodadas, o Barcelona lidera a tabela de classificação do Campeonato Espanhol, ccom 52 pontos (17 vitórias e uma derrota). O Atlético de Madrid é o segundo colocado, com 41 pontos, enquanto o atual campeão, Real Madrid, aparece na terceira posição, com 36 pontos.

AFP
Substituto de Pep Guardiola no Barcelona, Tito Vilanova comanda ótima campanha no Campeonato Espanhol

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade